22/11/2023 | Previdenciário

INSS: automação das análises de requerimento do benefício tem 65% dos pedidos negados

https://www.contabeis.com.br/noticias/62331/automacao-do-inss-tem-65-dos-pedidos-negados/

Um relatório recente da Controladoria-Geral da União (CGU) apontou fragilidades no processo de automação das análises de requerimentos de benefícios do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) , implementado em 2022. Contrariando expectativas, a automação não simplificou o processo, resultando em um aumento significativo nas negativas.

De acordo com a auditoria, o percentual de indeferimentos automáticos passou de 41% em 2021 para 65% em 2022, marcando o maior índice desde 2006. A falta de análise de risco e planejamento adequado pelo INSS foram destacadas como principais problemas pela CGU.

A complexidade da análise previdenciária, com normas em constante evolução, documentos variados e dados do Cadastro Nacional de Informações Sociais (Cnis), torna a automação dependente da análise humana em muitos casos. A CGU enfatizou a necessidade de aprimorar a metodologia do INSS para reduzir as negativas excessivas.

Apesar de ajustes na gestão e transparência nas análises automáticas serem possíveis, a solução fundamental envolve a contratação de mais servidores, uma vez que a tendência de substituição gradual do trabalho humano pela máquina na área previdenciária prejudica a sensatez nas análises de benefícios.

Atualmente, o INSS conta com 19.510 servidores ativos, em comparação com o dobro em 2013. O relatório destaca a importância da atuação humana em atividades analíticas críticas, enfatizando a necessidade de equilíbrio na priorização entre robôs e humanos.

As estatísticas indicam que a decisão de favorecer robôs sobre humanos tem impactado negativamente os segurados, resultando em uma chance de 65% de terem seus pedidos reprovados. Essa situação reforça a urgência de medidas para tornar o serviço previdenciário mais justo no país.
https://www.contabeis.com.br/noticias/62331/automacao-do-inss-tem-65-dos-pedidos-negados/

COMPARTILHE:
LEIA MAIS
21/08/2019

Ausência de sintoma de doença grave não revoga isenção de IR

Um relatório recente da Controladoria-Geral da União (CGU) apontou fragilidades no processo de automação das análises de requerimentos de benefícios do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) , ...
CONTINUAR LENDO
24/01/2020

Juiz garante que indígena com deficiência receba benefício previdenciário

Um relatório recente da Controladoria-Geral da União (CGU) apontou fragilidades no processo de automação das análises de requerimentos de benefícios do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) , ...
CONTINUAR LENDO

Prezados clientes,

Informamos que em razão da SUSPENSÃO DOS PRAZOS PROCESSUAIS DO PODER JUDICIÁRIO, estaremos em recesso no período de 20/12 a 09/01, com expediente exclusivamente interno de 10 a 31 de janeiro. Nesse período atenderemos pelo e-mail atendimento@schorr.adv.br somente necessidades urgentes, bem como envio e recebimento de documentos.

Atualização de informações processuais e demais atendimentos retornam normalmente a partir de 01/02/2024.

A Schorr Advogados deseja um Feliz Natal e um Ano Novo repleto de realizações.